Vegetações que abrigam animais de climas frios

fauna em ambientes friosOs maiores animais encontrados nos desertos frios são gazelas e antílopes, que habitam os desertos de Gobi, Taklamakan e Turkestan. As lhamas, que vivem no Atacama, bem como os carneiros selvagens, que habitam os desertos da Grande Bacia, também estão na categoria de animais de climas rígidos de inverno rigoroso. Lobos e leopardos da neve percorrem as colinas e planícies do deserto de Gobi, e você também pode notar ao pesquisar o estranho camelo e o chacal no deserto de Taklamakan e Namib.

As aves que habitam os desertos frios incluem principalmente falcões e águias, embora a região da Antártica abrigue várias espécies de pinguins e aves que armazenam gordura sob a pele também.

Os mamíferos menores são mais abundantes do que os maiores devido à alta necessidade de armazenamento de nutrientes no corpo, e incluem pintas, gibas, doninhas, gerbos, ouriços, ratos de bolso, tatus e coelhos. A vida dos répteis é mais esparsa e inclui muitas espécies de lagartos, que habitam muitas vegetações rasas e frias como desertos. Víboras não são tão comuns como em desertos e vegetações quentes. Nenhum deserto quente estaria completo sem escorpiões, mas o único deserto frio em que eles são comuns é o deserto iraniano.

Vegetações de climas frios costumam conter musgo e líquens. A floresta tundra é um bom exemplo de habitat desse tipo de clima. Já o urso polar – por exemplo – que vive em ambiente ártico, precisa de uma ampla visão para poder caçar e sobreviver, por isso ele não sobreviveria em florestas tropicais de climas quentes.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*